Melhores da Base

Notícias |

Campeonato Mundial de Clubes de 1983 | 31/07/2019 às 16:46:00

Grêmio Campeão Mundial Interclubes de 1983

Com NOVE Atletas formados em sua "Categoria de Base"


Entrou em campo com CINCO atletas formados em sua "Categoria de Base" além dos outros QUATRO na reserva


No dia 11 de Dezembro de 1983, o Grêmio derrotava o Hamburgo em Tóquio por 2 a 1 para conquistar o título mais importante da sua história: o Mundial Interclubes. Entrou em campo com cinco atletas formados em sua "Categoria de Base". Os Laterais Paulo Roberto e Paulo César, o Zagueiro Baidek, o Volante China e o Ponta Renato Gaúcho, além do Volante Bonamigo que entrou na partida, além do Goleiro Beto, o Zagueiro Leandro e o Lateral Casemiro. Totalizando NOVE atletas formados pelo clube.


Cartaz oficial da Grande Final

 
 
O confronto foi disputado entre o Grêmio do Brasil, Campeão da Taça Libertadores da América e o Hamburgo da Alemanha, Campeão da Liga dos Campeões da UEFA. Foi vencida pelo Grêmio, após empate em 1 a 1 no tempo normal e 1 a 0 na prorrogação, para o time Brasileiro.


A decisão
Com o campo seco por conta do rigoroso inverno japonês prejudicava o toque de bola, mas não foi empecilho para o Grêmio mostrar mais ímpeto e partir para cima dos alemães, quando Renato Gaúcho, aos 38´, abriu o placar para o tricolor num lindo gol. Na segunda etapa, o jogo ficou nervoso, o Grêmio apostando na velocidade de Renato e na eficiência de sua zaga. Tudo corria bem até os 41´, quando Schroeder, no único momento que não precisou marcar Renato, subiu ao ataque e marcou o gol de empate do Hamburgo. O jogo foi para a prorrogação. Cansados, tinham que jogar mais meia hora em busca da maior glória tricolor. E Renato Gaúcho marcou mais uma vez aos 3', após driblar seu marcador e acertar um belo chute. Os alemães não conseguiram mais pressionar e o clube brasileiro pôde comemorar o seu primeiro título mundial.



O Capitão Hugo de León carrega a taça na 'volta olímpica'


Ficha da Final

Grêmio 2x1 Hamburgo
Local: Estádio Nacional de Tóquio. Árbitro: Michel Vautrot (França). Gols: Renato (2) e Schröder. Cart. Amarelos: Mazarópi, Renato Gaúcho, Stein, Hartwig, De León e Hain.
 
Grêmio
1 Mazarópi 2 Paulo Roberto 3 Baidek 6 De León e 4 Paulo César. 5 China 8 Osvaldo (Bonamigo) e 11 Mario Sérgio. 7 Renato Gaúcho 9 Tarciso e 10 Paulo César Lima (Caio). Técnico: Valdir Espinosa.
 
Hamburgo
1 Stein 3 Wehemeyer 4 Jakobs e 5 Hieronymus. 2 Schröder 8 Groh 11 Rolff 6 Hartwig e 10 Magath. 7 Wuttke e 9 Hansen. Técnico: Ernst Happel.



Veja como foi !!

 



« voltar




Giro da base


DESTAQUES

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSOS INFORMATIVOS


MELHORES DA BASE © 2015 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS